Oki

Artecola aprova plano de Recuperação Judicial

30/09/2019 - 16:09

A Artecola Química entrou em uma nova fase de seu processo de Recuperação Judicial (RJ). O plano de pagamentos apresentado pela empresa, depois de ajustes e adequações, foi aprovado na Assembleia Geral de Credores realizada recentemente em Novo Hamburgo (RS).

“Tivemos um período de avaliações e maturação da proposta, sempre atendendo às partes envolvidas e destacando nossa disposição em saldar os compromissos. A aprovação reforça o que dizíamos desde o início: nosso objetivo era proteger o negócio químico, que é a origem de nossa empresa, um negócio saudável, capaz de produzir resultados positivos a todas as partes interessadas e seguir gerando valor”, diz o Presidente Executivo, Eduardo Kunst.

O processo de RJ da Artecola teve início em 5 de fevereiro de 2018, com o encaminhamento do pedido à Justiça e, na sequência, seu deferimento. A administração judicial ficou a cargo do escritório Medeiros & Medeiros. A tramitação teve uma peculiaridade, em razão da maior parte da dívida da FXK Adm. e Participações, controladora da Artecola, estar relacionada a avais e garantias dos débitos de outras empresas, a Gatron Inovação em Compósitos S/A e Stabilit-MVC Pultrusão em Plásticos S/A. Elas também estavam em Recuperação Judicial, com tramitação no Poder Judiciário do Paraná e credores comuns à FXK.

O plano aprovado prevê o pagamento negociado de todos os credores, definindo prioridades e estabelecendo prazos e formas de liquidação. “Nesse processo, tivemos a parceria dos credores, que percebem a importância e o potencial do negócio em atividade para a geração de riquezas, emprego e renda”, afirma o Presidente. “Além disso, seguimos um projeto de reestruturação para nos tornarmos mais ágeis e eficientes em nosso propósito de oferecer soluções diferenciadas, promover desenvolvimento sustentável e facilitar a vida do cliente.”

Kunst também destaca a grande demonstração de confiança recebida de muitos clientes e fornecedores. “Somos imensamente gratos a quem permaneceu ao nosso lado em todos os momentos, a quem acreditou em nossa trajetória de sete décadas de trabalho sério e transparente, a quem nos permitiu chegar à conclusão desta etapa”, agradece o executivo. “Temos a convicção de que seremos uma empresa ainda mais forte depois desse período, pois somos econômica e financeiramente viáveis e temos plenas condições de superar as adversidades.”

Com a aprovação do Plano de Recuperação Judicial, a empresa entra agora em uma nova fase, a começar pelo novo posicionamento estratégico: O que você quer transformar? A pergunta é, ao mesmo tempo, uma provocação, e traduz a atitude da empresa. “Queremos enfatizar o quanto nós, da Artecola, buscamos junto aos nossos clientes e parceiros novas formas de transformar os negócios e o mercado”, detalha Eduardo Kunst. “Sempre tivemos a inovação em nosso DNA. Com o novo posicionamento, estamos reforçando nossa identidade e enfatizando a disposição para crescer, co-criar e contribuir para transformar tudo a nossa volta”, complementa.

  Mais notícias

Gráfica Inteligente Agnelo Editora Anuncie aqui