Oki

Klabin registra crescimento de 47% no Ebitda ajustado em 2018

08/02/2019 - 14:02

A Klabin registrou o 30º trimestre consecutivo de crescimento nos seus resultados financeiros (Ebitda acumulado dos últimos doze meses). No quarto trimestre de 2018, a companhia atingiu Ebitda ajustado (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de R$ 1.133 milhões, o que representa crescimento de 33% em relação ao mesmo período do ano anterior. No acumulado de 2018, o Ebitda ajustado foi de R$ 4.024 milhões, aumento de 47% em relação a 2017.

No 4T18, o volume total de vendas da companhia foi de 861 mil toneladas (sem incluir madeira). As vendas de celulose da Unidade Puma, que tem operado acima da sua capacidade nominal, atingiram 399 mil toneladas, crescimento de 10% na comparação com o 4T17, sendo 299 mil toneladas de fibra curta e 100 mil toneladas de fibra longa e fluff. 

Outro destaque é a boa performance da empresa nos segmentos de papéis e embalagens, ao registrar aumento de 8% no volume de vendas de kraftliner no quarto trimestre de 2018, com relevante impulso nas vendas ao mercado interno, que cresceu 25% na comparação com o quarto trimestre de 2017. Ao longo do período, a Klabin aumentou sua relevância e abrangência em mercados como o de frutas na Região Nordeste e na área de exportação com sacos industriais.

A receita líquida da Klabin no 4T18 aumentou 21% em relação ao mesmo período de 2017, alcançando R$ 2.785 milhões. A companhia ressalta o aumento de 52% na receita do mercado de celulose, que atingiu R$ 1.107 milhões, e o crescimento de 39% no mercado de kraftliner, que registraram maior volume de vendas além da melhora de preços. Na comparação anual, a Klabin registrou 9% de aumento na receita líquida da sua unidade de negócio de papéis e 7% em embalagens.

Impulsionados pela melhora nos resultados, no quarto trimestre de 2018 foram pagos R$ 75 milhões de dividendos e R$ 265 milhões de juros sobre capital próprio. Adicionalmente, a distribuição de R$ 145 milhões de dividendos e R$ 125 milhões de juros sobre capital próprio foi aprovada para pagamento em fevereiro de 2019.

“A Klabin encerrou 2018 com resultados financeiros sustentáveis e dentro das margens planejadas de crescimento. Nossa flexibilidade em buscar e se adaptar aos mercados de maior rentabilidade, aliada ao pleno e contínuo bom desempenho da Unidade Puma, foram alguns dos principais fatores de impulso do período”, afirma Gustavo Sousa, diretor Financeiro e de Relações com Investidores da Klabin.

No 4T18, a Klabin investiu R$ 280 milhões. Desse valor total, R$ 76 milhões foram destinados às operações florestais; R$ 164 milhões à continuidade operacional das fábricas; e R$ 40 milhões foram aplicados em projetos especiais e expansões, principalmente, nos projetos de alto retorno, que visam melhorar o desempenho operacional da companhia nos diversos segmentos em que atua. Com isso, o montante de investimentos da Klabin, em 2018, somou R$ 956 milhões.

  Mais notícias

Gráfica Inteligente Agnelo Editora Anuncie aqui