Oki

International Paper adquire empresa de embalagens

18/03/2008 - 00:03
A International Paper celebrou um acordo de US$ 6 bilhões com a Weyerhaeuser para a aquisição da sua empresa de cartão para embalagens, embalagens e reciclagem. O acordo assinado pelas duas empresas ainda está sujeito a alguns ajustes. A empresa adquirida fará parte do negócio de embalagens da IP na América do Norte.

Como esta transação representa uma compra de ativos e não de ações, a International Paper terá um benefício fiscal cujo valor líquido é estimado em US$ 1.4 bilhão. Levando este benefício em consideração, o preço líquido da aquisição pode chegar a cerca US$4.6 bilhões.

"Esta transação é uma oportunidade imperdível para a International Paper e para os nossos acionistas", disse John Faraci, presidente mundial da IP. Segundo o executivo, a integração do negócio de cartão para embalagens, embalagens e reciclagem da Weyerhaeuser à plataforma de embalagens da IP na América do Norte é compatível com a estratégia da companhia, que busca melhorar o lucro, o fluxo de caixa e o retorno sobre investimentos por meio do fortalecimento dos negócios já existentes. "Esperamos que o negócio integrado de embalagens melhore consideravelmente o fluxo de caixa e as margens de EBITDA (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) que se obteria com os dois negócios operando separadamente", concluiu Faraci.

Carol Roberts, vice-presidente sênior do negócio de embalagens da IP, afirmou esta transação tem um potencial altamente positivo e representa um risco baixo relativo à integração. "A Weyerhaeuser tem uma operação de baixo custo e ativos bem administrados que complementarão nosso atual sistema de produção e de conversão, proporcionando sinergias significativas", disse Roberts. Segundo a executiva, a aquisição amplia a presença geográfica da IP nos EUA e no México e diversifica a base de clientes da empresa em linhas-chave de produto. "Tudo isso tornará o nosso negócio de embalagens mais competitivo, mais rentável e nos permitirá servir melhor aos nossos clientes", afirma Roberts.

Com esta aquisição, a International Paper prevê oportunidades de sinergia em aproximadamente US$400 milhões por ano. A empresa espera obter pelo menos 40% dessa melhoria em 12 meses após a conclusão do negócio, atingido totalmente esta meta até o fim do terceiro ano. O resultado virá da redução de custos indiretos em duplicidade, da integração de operações de produção, da otimização do portfólio de produtos e da melhoria de eficiências operacionais e na cadeia de fornecimento. A empresa prevê que a aquisição aumentará a lucratividade a partir do final do exercício fiscal de 2009 e financiará a transação através de empréstimos. Para isso, a IP já obteve compromissos de grandes instituições financeiras.

Roberts afirmou que espera concluir a operação de aquisição no terceiro trimestre de 2008, sujeito às regras tradicionais desse tipo de transação, inclusive a análise pelas autoridades regulatórias.

Sobre o negócio de embalagens da International Paper: faturamento líquido em 2007: US$ 5.2 bilhões; número de colaboradores: 9.530; capacidade de produção: 4.8 milhões de toneladas por ano; fábricas: 65 unidades nos EUA e 22 na Europa; unidades de reciclagem: 2 unidades na Europa (França e Marrocos); regiões: América do Norte, Europa, Ásia, África e América Latina (Chile); outras informações: www.internationalpaper.com/packaging.

Sobre o negócio de embalagens da Weyerhaueser: faturamento líquido em 2007: US$ 5.2 bilhões; número de colaboradores: 12.000; capacidade de produção: 6.2 milhões de toneladas por ano; fábricas: 95 unidades nos EUA e uma no México; unidades de reciclagem: 19 unidades; regiões: América do Norte, Europa, Ásia e México.

  Mais notícias

Gráfica Inteligente Agnelo Editora Anuncie aqui